♡ Sobre o tempo, a coragem e outros perigos

“Nunca fui de matutar muito as coisas, planejar ou ter disciplina pra fazer com que elas acontecessem. Sempre prestei atenção nos sinais e os segui….

O que eu chamo de impulso talvez seja uma batida mais forte do coração que, de tão intensa, traz junto com ela um passo. Comigo é assim. Tudo o que eu faço de coração, faço inteiro. Costuma dar certo.

Tem uma frase de que gosto muito que talvez ilustre bem o que são essas atitudes supostamente impulsivas: “Um homem bate cem vezes com um machado numa pedra e ela não se quebra. Na centésima primeira vez, a pedra se parte em duas. Mas não foi a centésima primeira batida. Foram todas as outras.” Procurei no Google e não achei o autor da frase. Eu me lembro dela muito antes de existir o Google e nunca me esqueci. Impulsos são centésimas primeiras batidas que acontecem em nossas vidas. Algo que já vínhamos vivendo ou respirando tempos antes, sem perceber. Uma ideia que já vínhamos amando.

Confio nas coisas feitas com essa certeza, com esse coração que bate forte confirmando.”

~

Trecho de um texto da Cris que dá nome a esse post e que me identifico muito.
O texto todo está aqui, ó: hoje vou assim.

E foto daqui: http://www.flickr.com/photos/mojo-fire/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s